ÚLTIMOS POSTS

sábado

Moradores do Alto do Coco participam de audiência com procuradora-geral de justiça em São Luís com o objetivo de solucionar o impasse da transferência para a Itaipava

Marcadores:
Na manhã desta terça-feira, 10, os moradores do povoado Alto do Coco participaram de audiência com a procuradora-geral de justiça, Regina Lúcia de Almeida Rocha, em São Luís. O grupo foi ao Ministério Público para denunciar a iniciativa de transferir a área territorial do povoado para a jurisdição do município de Itaipava do Grajaú, o que já teria sido acertado entre os prefeitos dos dois municípios.
Segundo os moradores de Alto do Coco, os prefeitos Júnior Otsuka e Joãozinho  do Dimaizão (Itaipava do Grajaú) acertaram a transferência sem cumprir as normas legais e sem consultar a população.
De acordo com a professora Maria Nalva Andrade, do Alto do Coco, que existe há 50 anos e conta com aproximadamente 800 moradores, é totalmente contrária à separação de Grajaú. "Já fizemos várias manifestações contra essa ideia, pois não temos nenhum laço afetivo com Itaipava e nem pediram nossa opinião sobre a questão", afirmou.
Depois de elogiar a comunidade pela demonstração de afeto à sua terra natal e de consciência dos seus direitos, a procuradora-geral garantiu que o Ministério Público irá analisar a questão com muita atenção, determinando à Assessoria Jurídica agilidade para identificar a solução mais adequada para o caso. "A lei deverá se sobrepor às ilegalidades", assegurou.
Regina Rocha sugeriu ao advogado João Batista Ericeira, que presta assessoria aos moradores de Alto do Coco, presente na reunião, que encaminhasse uma representação à Procuradoria Geral de Justiça com o relato da situação e juntando os documentos já coletados pela comunidade em que está demonstrada a ideia de transferência do povoado para Itaipava do Grajaú.
A reunião foi acompanhada pela subprocuradora-geral de justiça para Assuntos Jurídicos, Terezinha Guerreiro, e pelos promotores de justiça Sirley Aires Rodrigues (chefe de gabinete da PGJ) e Emmanoel Soares (assessor especial da PGJ).
| Nenhum comentário

quarta-feira

Dj Ricardo Oliverno hospital by Claudinho Ac Santana - Itaipava do grajaú

Marcadores:
Dj ricardo oliver



| Nenhum comentário

Dia 28 de dezembro no club karakatg negora treminhão

Marcadores:

Essa e pra ficar marcada ... depois da F250 suprema truck agora tem F250 negona treminhão vamos ver no que vai dar... Sera no Club karakatg ' se voce não for so voce não vai!!!!





| Nenhum comentário

sexta-feira

ETERNAPRIMEIRA DAMA ALDENORA

Marcadores:

Aldenora Aguiar de oliveira a primeira dama da cidade de itaipava do Grajau esposa do primeiro prefeito da cidad de itaipava vicente da galileia.. ex primeira dama de Itaipava morreu ontem após um infarto ... seu cortejo ate o semiterio foi cheio de homenagens tanto de políticos, familiares amigos e dos estudantes da escola luis Gabriel do nascimento e nelly la rocke .. uma pessoa querida por todos, amada por seus filhos e acolhida por onde passava ...

*HOMENAGEM DO BLOGUEIRO CLAUDINHO ac SANTANA^^  “sinceramente ela pra mim foi uma eterna tia, uma pessoa que eu sempre admirei, estará sempre guardada em meu coração eternamente, ela me tinha como um filho e eu tinha ela como uma mãe..    TE AMO ALDENORA AGUIAR DE OLIVEIRA  # meus pêsames a toda família #

| Nenhum comentário

sábado

Homicídio nas margens da PE 475

Marcadores:
281113_homicidio_PE_do_cedro_1Às 06:00h da manhã desta quinta-feira (28/11), um morador do Sítio Pau Ferro, zona rural de Salgueiro, afixado nas marges da PE 475, sentido Salgueiro/Cedro-PE, localizou às bordas daquela via, o cadáver um jovem aparentando 25 anos de idade, informando de imediato às autoridades policiais. De posse da denúncia, Policiais Militares da GE Cedro/8ºBPM, foram direcionados ao local indicado, onde, juntamente com Policiais Militares do Destacamento da Cidade de Pena forte-CE, constataram o corpo da vítima, que apresentava perfurações na parte frontal do tórax e acima do olho direito, provalvelmente causadas por disparos de arma de fogo. O vitimado não possuía nenhum documento de identificação e não foi reconhecido pelos moradores da região, no entanto, no bolso de sua bermuda, intrigantemente havia um rascunho, contendo a seguinte anotação: “Amor (83) 9660 4358″ e outro número de celurar, (86) 9975 4517 como o nome contato de  ”BRUNA”. Foram realizadas chamadas para o celular da “Bruna”, mas a atendente afirmou não saber nada sobre a vítima, já quando foi realizada a chamada para o outro aparelho, tendo como contato a palavra “AMOR”, uma jovem atendeu e após serem repassadas as características do corpo, frizando a tatuagem de “São Jorge”, aplicada no dorso, na altura do ombro direito do cadavérico, a jovem atendente, entrou em desespero e aos prantos, declarou que as dicas coincidiam com as destinções de seu namorado de apelido “DIEL”, morador do Estado do Ceará, não sabendo informar o nome completo, a cidade residente da vítima e maiores detalhes, pois o relacionamento era prematuro e que não possuia dados mais específicos daquela pessoa. A Policia Civil da 193ª Circunscrição/Salgueiro e equipe do IC estiveram no local, aonde foram realizadas as primeiras investigações, antecipando o encaminhamento do corpo para o IML de Petrolina-PE.´

fontes: Blog do andre cacau
| Nenhum comentário

quinta-feira

AM: mulher que cortou barriga de grávida para roubar bebê é condenada

Marcadores:
A Justiça amazonense condenou, nesta quarta-feira, a doméstica Daiana Pires dos Santos, 22 anos, a 13 anos e quatro meses de prisão pela tentativa de homicídio contra a dona de casa Odete Pego Ferreira, 23 anos, e pela subtração da filha da vítima, uma recém-nascida retirada à força do ventre da mãe pela acusada. 

julgamento durou cinco horas e 40 minutos. Sem a presença de Odete, Daiana defendeu a versão de ter cometido o crime sob a possessão de espíritos malignos. "Eu ouvia uma voz que dizia pra eu fazer aquilo que ia dar certo. Aí minha vista ficou escura e eu só me lembro de estar presa na delegacia. Eu estava fora de mim. Foi o demônio.  Eu estou arrependida do que fiz", disse a ré durante seu depoimento.
O crime aconteceu no dia 25 de setembro de 2012, no bairro Parque Mauá, zona leste de Manaus. Segundo a denúncia do Ministério Público, a acusada atraiu a vítima para sua casa sob alegando ter um enxoval do filho que havia abortado para doar. 
Em sua casa, Daiana teria atingido Odete com uma tábua de cortar carne. Após a dona de casa cair atordoada no chão, a acusada abriu sua barriga com um lâmina de barbear e retirou a filha da vítima.
"Depois disso, de maneira dissimulada, a acusada fingiu para os vizinhos ter dado a luz a criança, enquanto a verdadeira mãe agonizava com as vísceras expostas dentro da casa da acusada", defendeu o promotor  Rogério Marques, que pediu ao júri pena máxima pela tentativa de homicídio com dissimulação e pela subtração da criança.
Com um júri formado por cinco mulheres de meia idade e por dois homens, a defesa tentou convencer os jurados a mudar a tipificação do crime de tentativa de homicídio para lesão corporal grave. "Não vou dizer que foi o capeta que cometeu o crime, mas que o mal existe, isso existe! Por favor, essa mulher precisa de ajuda e não de cadeia", pediu o advogado Mouzart Bessa, defensor de Daiana.
Sem a presença da vítima, o conselho de sentença entendeu que a acusada precisava cumprir 11 anos e oito meses, em regime fechado, pelo crime de tentativa de homicídio, e um ano e oito meses pela subtração da recém-nascida.
"Foi uma pena justa. E pelo tempo que minha cliente já está presa, no máximo em oito meses ela deve progredir para o regime semiaberto", disse Bessa.
| Nenhum comentário